Continua após a publicidade..

Como construir um currículo

Continua após a publicidade..

Introdução

Construir um currículo é uma etapa crucial para quem está em busca de uma nova oportunidade no mercado de trabalho. Um currículo bem elaborado pode ser o diferencial na hora de concorrer a uma vaga e conquistar a atenção dos recrutadores. Neste artigo, vamos apresentar um guia completo de como construir um currículo de forma detalhada e profissional, seguindo as melhores práticas do mercado.

1. Dados pessoais

No início do currículo, é importante incluir seus dados pessoais, como nome completo, endereço, telefone e e-mail de contato. Essas informações devem estar bem visíveis e organizadas, facilitando o contato do recrutador caso haja interesse em seu perfil. Além disso, é interessante incluir também links para suas redes sociais profissionais, como LinkedIn.

2. Objetivo profissional

O objetivo profissional é um breve resumo de suas metas e expectativas em relação à carreira. É importante ser claro e objetivo, destacando a área de atuação desejada e os principais objetivos a serem alcançados. Essa seção ajuda o recrutador a entender suas aspirações e direcionar sua análise de acordo com as necessidades da vaga em questão.

3. Formação acadêmica

Neste tópico, é importante listar sua formação acadêmica, incluindo cursos de graduação, pós-graduação, especializações e cursos complementares relevantes para a área de atuação desejada. É importante mencionar o nome da instituição de ensino, o período de estudo e o título obtido. Se você ainda está cursando alguma graduação, deixe claro essa informação.

4. Experiência profissional

A experiência profissional é uma das seções mais importantes do currículo. Aqui, é importante listar suas experiências anteriores, incluindo nome da empresa, cargo ocupado, período de atuação e principais responsabilidades e conquistas. É interessante destacar as experiências mais relevantes para a vaga em questão, ressaltando as habilidades e competências adquiridas em cada uma delas.

5. Habilidades e competências

Neste tópico, é importante destacar suas principais habilidades e competências, relacionadas à área de atuação desejada. Essas habilidades podem ser técnicas, como conhecimento em determinado software ou ferramenta, ou habilidades comportamentais, como liderança e trabalho em equipe. É importante ser honesto e destacar apenas as habilidades que você realmente possui.

6. Idiomas

Caso você possua conhecimento em outros idiomas, é importante mencioná-los no currículo. Inclua o nome do idioma e o nível de proficiência, como básico, intermediário ou avançado. Se você possui certificados de proficiência, é interessante mencioná-los também.

7. Cursos complementares

Além da formação acadêmica, é interessante mencionar cursos complementares que você tenha realizado e que sejam relevantes para a área de atuação desejada. Isso demonstra seu interesse em se manter atualizado e em constante desenvolvimento profissional.

8. Projetos e trabalhos voluntários

Se você já participou de projetos ou trabalhos voluntários relacionados à área de atuação desejada, é interessante mencioná-los no currículo. Isso demonstra seu engajamento e interesse pela área, além de evidenciar suas habilidades e competências em situações práticas.

9. Informações adicionais

Neste tópico, você pode incluir informações adicionais que sejam relevantes para a vaga em questão. Isso pode incluir certificações, prêmios, participação em eventos ou qualquer outra informação que possa agregar valor ao seu perfil.

10. Referências

Por fim, é importante incluir referências

Para se candidatar, clique aqui