Continua após a publicidade..

Lojas Americanas: Licença sem remuneração

Continua após a publicidade..

Lojas Americanas: Licença sem remuneração

A Lojas Americanas é uma das maiores redes de varejo do Brasil, com uma presença significativa no mercado online. Neste glossário, vamos explorar o conceito de licença sem remuneração, um tema importante para os colaboradores e empregadores.

O que é uma licença sem remuneração?

Uma licença sem remuneração, também conhecida como licença não remunerada, é um período de afastamento do trabalho em que o funcionário não recebe salário. Durante esse período, o colaborador pode se ausentar do trabalho por motivos pessoais, como cuidar de assuntos familiares, realizar estudos ou até mesmo tirar férias prolongadas.

É importante ressaltar que a licença sem remuneração não é um direito garantido por lei, mas sim uma possibilidade oferecida pelas empresas aos seus funcionários. A decisão de conceder ou não a licença fica a critério do empregador, que pode estabelecer regras e limitações para sua concessão.

Como solicitar uma licença sem remuneração na Lojas Americanas?

Na Lojas Americanas, a solicitação de uma licença sem remuneração deve ser feita por meio do setor de Recursos Humanos. O colaborador interessado deve apresentar uma justificativa plausível para a necessidade da licença, como a conclusão de um curso ou a necessidade de cuidar de um familiar doente.

É importante destacar que a concessão da licença sem remuneração está sujeita à aprovação da empresa. A Lojas Americanas avaliará cada solicitação individualmente, levando em consideração a disponibilidade de recursos humanos e a necessidade de manter a continuidade das operações.

Quais são os benefícios e desvantagens da licença sem remuneração?

A licença sem remuneração pode trazer benefícios tanto para o colaborador quanto para a empresa. Para o funcionário, essa modalidade de afastamento permite a realização de projetos pessoais, o aprimoramento profissional ou até mesmo um período de descanso prolongado.

Por outro lado, a licença sem remuneração também apresenta desvantagens. O principal ponto negativo é a ausência de salário durante o período de afastamento, o que pode impactar financeiramente o colaborador. Além disso, a empresa pode enfrentar dificuldades na redistribuição das tarefas e na manutenção da produtividade.

Quais são as regras e limitações da licença sem remuneração na Lojas Americanas?

Na Lojas Americanas, a concessão da licença sem remuneração está sujeita a algumas regras e limitações. Primeiramente, o colaborador deve ter pelo menos um ano de trabalho na empresa para ser elegível a solicitar a licença.

Além disso, a duração da licença não pode ser superior a seis meses. Caso o colaborador deseje um período maior de afastamento, será necessário negociar diretamente com a empresa e avaliar a possibilidade de um acordo específico.

Como a licença sem remuneração afeta o contrato de trabalho?

A licença sem remuneração não interrompe o contrato de trabalho entre o colaborador e a Lojas Americanas. Durante o período de afastamento, o funcionário continua vinculado à empresa e mantém seus direitos trabalhistas, como a estabilidade no emprego e a contagem do tempo de serviço.

No entanto, é importante ressaltar que a licença sem remuneração pode afetar alguns benefícios oferecidos pela empresa, como o vale-refeição e o vale-transporte. Nesses casos, é necessário verificar as políticas internas da Lojas Americanas e assegurar-se de que esses benefícios serão mantidos durante o período de afastamento.

Como a licença sem remuneração é contabilizada?

A licença sem remuneração é contabilizada como um período de afastamento no registro de ponto do colaborador. Durante esse período, o

Para se candidatar, clique aqui